Em defesa do SUS: Marcha ocupará as ruas de Brasília no próximo dia 1 de dezembro

Equipe Comunicação Programa de Justiça Econômica

A Frente em Defesa do SUS (ABRASUS) realizará no próximo dia 1 de dezembro, antecedendo o início da 15 Conferência Nacional da Saúde, a Marcha em Defesa do SUS. A manifestação tem como propósito chamar a atenção para o funcionamento da saúde pública, respeitando a democracia e a qualidade. A concentração será às 14h, em dois pontos: na Catedral e no Museu Nacional.

Com três carros de som, a Marcha fará um trajeto, com parada em frente ao Congresso Nacional, onde haverá uma grande ato em defesa do Sistema Único de Saúde (SUS) em defesa da democracia e participação popular.

A manifestação deverá reunir diversos movimentos sociais, redes e entidades, conselheiros/as de saúde, Pastorais Sociais e outros organismos ligados à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), parlamentares, representantes de órgãos públicos que atuam amplamente em defesa da saúde pública digna e justa para a população brasileira.

Ao longo do percurso haverá momentos de animação com apresentações artísticas em todos os carros de som que conduzirão o ato, e no chão também.

A comissão organizadora da Marcha – da qual o Grito dos/as Excluídos/as faz parte, também vai garantir transporte para portadores de necessidades especiais e pessoas com mobilidade reduzida. Também haverá água para distribuir para os/as participantes da manifestação e do ato.

Projeto Direitos Sociais e Saúde presente na Marcha

O projeto Direitos Sociais e Saúde: Fortalecendo a Cidadania e a Incidência Política estará presente na marcha/ato afim de se somar a todas as discussões que serão feitas em busca da garantia deste direito social básico para o povo.

Cofinanciado pela União Europeia e com apoio da CAFOD (Agência Católica para a Cooperação Internacional de Inglaterra e país de Gales), o projeto é implementado no Brasil por quatro entidades parceiras do Programa Justiça Econômica: Grito dos/as Excluídos/as Continental, as Pastorais Sociais da Conferência Nacional dos Bispos de Brasil (CNBB), a Comissão Brasileira de Justiça e Paz (CBJP) e a Pastoral da Saúde Nacional.

ABRASUS

A Frente em Defesa do SUS foi lançada recentemente com o objetivo de revigorar e ampliar a luta pela saúde pública, aproveitando a 15 Conferência Nacional da Saúde, que se realiza de 1 a 4 de dezembro, em Brasília, como cenário ideal para mostrar suas reivindicações. A Frente é composta por conselheiros de saúde, secretários, movimentos, redes, entidades municipais e estaduais, parlamentares, prefeitos, representantes de órgãos públicos, entre outros.

Contatos para Imprensa
Rogéria Araújo
Grito dos/as Excluídos/as Continental
Projeto Direitos Sociais e Saúde
11 95847.7590 | 85 986838141

“O conteúdo deste documento é da responsabilidade exclusiva do Programa Justiça Econômica, não podendo, em caso algum, considerar-se que reflete a posição da União Europeia”

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Puedes usar estas etiquetas y atributos HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>