A vaca tosse, vai para o brejo e pode atolar o SUS

A vaca tosse, vai para o brejo e pode atolar o SUS

p. O Brasil rompe o ano de 2015 dando posse ao segundo mandato de Dilma. Em seu programa de governo para a área de saúde, omissões e silêncios já apontavam dúvidas sobre a intenção de defesa de um projeto mais comprometido com um modelo de...

Continuar leyendo...
SUS: um poema épico.

SUS: um poema épico.

p. Em outros dois textos que escrevi em Janeiro, ousei análises e proposições no âmbito nacional, além do setor saúde, enquanto os fatos em nosso setor persistem distanciando o rumo do SUS da Universalidade/Integralidade/Equidade. Acompanhando e participando na tensão e angústia crescentes (quase desolamento) entre...

Continuar leyendo...
Onde está o Estado?

Onde está o Estado?

p. Não raro há a veiculação da dissociação entre a arrecadação dos governos e o retorno de bens e serviços estatais. O intento, sistematicamente alardeado, é bem sucedido em formar a opinião pública. Não é difícil de compreender a indignação gerada na população, sobretudo frente...

Continuar leyendo...
Mudanças de cenário, crescimento distributivo e arrocho fiscal.

Mudanças de cenário, crescimento distributivo e arrocho fiscal.

O período que vai de 2004 a 2010 na economia brasileira apresentou um processo de crescimento maior do que a média dos vinte anos anteriores, acompanhado de maior inclusão social. Ocorre, no entanto, que a partir de 2011, abre-se uma nova etapa, em que se...

Continuar leyendo...
Ajuste fiscal pode levar o Brasil da recessão à depressão, alerta economista

Ajuste fiscal pode levar o Brasil da recessão à depressão, alerta economista

p. Brasília. A política de ajuste fiscal implantada neste início do segundo mandato do governo Dilma Rousseff pode agravar a crise e levar o Brasil da atual recessão a um quadro muito mais severo de depressão econômica. Quem alerta é o economista Guilherme Delgado, doutor...

Continuar leyendo...
Quarto trimestre de 2014: mudança ou reciclagem?

Quarto trimestre de 2014: mudança ou reciclagem?

p. Chamou atenção a intensidade e conteúdos dos comentários sobre a “divisão” da sociedade brasileira nos debates eleitorais de 2014, tanto entre os candidatos como nas redes sociais e na mídia. Sobre o peso das divisões históricas, parece haver certo consenso. Todavia, sobre as divisões...

Continuar leyendo...
Não aos dispositivos da PEC 358/2013 que alteram o financiamento federal do SUS

Não aos dispositivos da PEC 358/2013 que alteram o financiamento federal do SUS

A sociedade brasileira tem, reiteradamente,se manifestado em favor da melhor qualidade dos serviços públicos, com ênfase nos serviços de saúde, que não se têm colocado como prioridade na agenda governamental. Desde o inicio de sua implantação, o SUS sofre subfinanciamento crônico.

Continuar leyendo...
Corte de pensões, seguro desemprego e auxílio doença: significados reais e imaginários

Corte de pensões, seguro desemprego e auxílio doença: significados reais e imaginários

Ainda no dia 30 de dezembro de 2014 a Medida Provisória 664-/2014 introduziu restrições fortes para alguns benefícios da política social, justificados pelo Ministro-Chefe da Casa Civil – Aloísio Mercadante, repetidos no discurso de posse da Presidente Dilma, sob o argumento da ‘correção de distorções’....

Continuar leyendo...